Portal de Moura

Água Castello

Cooperativa Agricola de Moura e Barrancos

Herdade do Esporão

Póvoa S. Miguel
08-Jan-2008
 

 Brazão de Póvoa de São Miguel

Concelho  -  Moura
Área  -  186,94 Km
²
População  -  1 094 habitantes
Densidade  -  5,9 hab/km² 

Rua da Igreja, 80
7885 - 259 Póvoa S. Miguel
Tel : 285 91 51 31
Fax: 285 98 22 57
http://www.jfpovoasmiguel.pt 
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de email

 

 Situada a 15 km de Moura, a 1,5 km da margem esquerda da Ribeira do Zebro e a cerca de 9 km da margem esquerda do Guadiana.

Igreja de Póvoa de S. Miguel 

 Compadres do Portal de Moura

 

    Locais a Visitar

Chaminé Póvoa S. Miguel 

História

Quanto à origem da povoação, tudo aponta para os finais do século XIV, na sequência da Lei das Sesmarias publicadas por D. Fernando em 1375. Sabe-se que em 1527, no numeramento de D. João III, a Póvoa apresentava 61 fogos (cerca de 240 habitantes). Desde então a população da freguesia cresceu em bom ritmo tendo atingido 3.191 habitantes no recenseamento de 1940. Contudo, desde a década de 60 assistimos a uma regressão constante da população residente, atingindo no censo de 1991 uma população de 1.218 habitantes. Este fenómeno é extensivo a todas as províncias do interior devido ao êxodo rural para a zona da grande Lisboa e para alguns países da Europa. A freguesia pertenceu à Ordem de Avis, e mais tarde em 1654 foi integrada na Casa do Infantado, cujo primeiro donatário foi o infante D. Pedro, até à extinção da mesma em 1834.

A igreja matriz, de configuração acastelada na cobertura da capela-mor indicia uma imitação da matriz de S. João Batista (Moura). A sua fundação, à falta de melhor prova, situar-se-á em finais do séc. XV ou princípios do séc. XVI, sendo certo que será anterior a 1534, data em que foi visitada por um enviado do Bispado de Évora. A igreja apresenta ainda a cruz de Avis e também a cruz de Santiago. O tecto da capela-mor mostra interessantes frescos dos quatro evangelistas.

 Quanto ao culto religioso, existiram duas irmandades: Nossa Senhora do Rosário, fundada em 1690 e a do Santíssimo Sacramento. Sabe-se que a primeira tinha 30 associados e um valor patrimonial de 120.000 réis em 1875 e uma receita de 30.900 no ano de 1874.
 
o lugar da Estrela situa-se a cerca de 2 km da margem esquerda da confluência da ribeira de Alcarrache com o rio Guadiana, e dista 9 km da sede de freguesia e 24 km da sede do concelho.

A igreja sita no lugar da Estrela, a julgar pelos preciosos frescos da capela-mor remonta ao séc. XVI (Lobato, 1961:237). Quanto ao aglomerado da Estrela, dado que não consta no numeramento de 1527, só nos finais do séc. XVI se terão juntado algumas casas em volta da igreja.

Também nesta igreja existiram 2 irmandades: W Senhora do Rosário e a do Santíssimo Sacramento. Esta última teve uma receita de 54.470 réis no ano de 1806. As duas igrejas pertenceram ao Bispado de Évora até 1700 altura em que passaram para o Bispado de Beja.
Actualmente a assistência religiosa é assegurada pelos párocos da Amareleja e de Moura.
 
Presença humana Relativamente à presença humana na freguesia, não existem estudos publicados sobre a matéria, além da referência à Cabana da Herdade das Antas (VIANA, 1957:40-45); às Antas da Póvoa de S. Miguel (LIMA: 1988:34-38).

Contudo, a área da freguesia regista vestígios de ocupação que vão desde o período Paleolítico até ao domínio islâmico. Conhecem-se machados de pedra polida do Neolítico; lanças e machados do Ca1colítico; o Castelo das Juntas remete-nos para a Idade do Ferro.
Durante a ocupação romana, a freguesia pertenceu à província da Bética e, dessa época, existem bastantes marcas atestadas por múltiplos casais rústicos, merecendo especial destaque as vilas da Ponte de Pau e das Piçarras. Do islamismo destacam-se vestígios na Defesa, Castelhanos Novos e Pata. Outro importante testemunho da presença humana está patente na abundância de sepulturas (cistas) descobertas pelas charruas durante os trabalhos agrícolas. Muito importante terá sido o campo dolménico na herdade das Antas, onde Fragoso de Lima inventariou e estudou 12 dólmenes em 1939 e dos quais apenas resta um em estado de ruína. Sobre a presença humana na freguesia muito haverá a saber quando se publicarem os relatórios das campanhas de sondagens e das escavações em curso, no âmbito da minimização do impacto ambiental do Alqueva.

Aspectos económicos Dada ser uma freguesia do interior, a vida económica sempre assentou no sector primário, sendo que a grande maioria das terras está agrupada em herdades com os tradicionais montes alentejanos, onde predomina a cultura extensiva de cereais e a criação de gado. Além destas, a olivicultura e vinicultura assumem grande importância.

Do enorme numero de montes, grande parte deles desabitados e em ruínas, destacamos o Monte do Pombal que além de uma configuração medieval e senhorial, apresenta um óptimo estado de conservação exterior e interior, e que ainda mantém nas suas paredes a beleza do xisto (material de construção regional). Os restantes sectores de actividade têm fraca representação. Ainda assim, existe a panificação, lacticínios, pequeno comércio de retalho, construção civil, oficinas e carpintarias. No futuro, dada a proximidade do regolfo do empreendimento de Alqueva, poderá daí emergir um quadro mais favorável ao desenvolvimento económico da freguesia e da região, em especial nos sectores da indústria e dos serviços.


Quanto a equipamentos sócio culturais, existem na freguesia duas sociedades recreativas, um grupo coral, um grupo desportivo, um grupo de forcados amadores e duas associações de caçadores.
Quanto a infra-estruturas de educação, existem duas escolas primárias e uma de pré primária com parque infantil.

 

Onde Comer

      Onde Comer

O Portal de Moura agradece toda a colaboração prestada pela Junta de Freguesia de Póvoa de São Miguel.

 

Hotel Passagem do Sol - Moura

Pinta Barris

Cooperativa Agrícola Moura e Barrancos

Câmara Municipal de Moura

Pastelinhos de Safara

Moura: Luziana Noivas
             
Alimentos Guadiana
AMPEAI
D&F Cerejo, Lda
ABCPP
Hotel Passagem do Sol - Moura
Inside Lisbon Guest House
Coloque a sua publicidade aqui
Break - Momentos Fantásticos
Câmara Municipal de Moura
Luziana Noivas
Pastelinhos Safara
Madeicor - Francisco Beirão
Alentoner, Consumíveis Informáticos
Herdade dos Coteis
Iskandar
DN Automóveis
Baixo_Povoa_e_Helena
Eperas
SPORTS4U, Animação Turistico - Desportiva, Lda
Manuel Coutinho - Oficina de Rep. Mecânicas
JC PNEUS - João Costa Unipessoal, Lda